tomilho vulgar.jpg

Tomilho-vulgar

Thymus Vulgaris

História: 

No antigo Egipto, o Tomilho fazia parte do processo de mumificação e da produção de perfumes. Segunda consta, não desempenhava nenhum papel enquanto erva curativa ou condimentar. Isso viria a mudar na antiga Grécia, onde era apreciado como especiaria. Na Idade Média, o Tomilho é referenciado nos livros de ervas como remédio para vermes, tosse convulsa e asma.

Propriedades:

O Tomilho encerra em si propriedades aromáticas, anti-sépticas, digestivas, tónicas, depurativas, antitússicas, expectorantes e estimulantes.

 

 

Modo de preparação:

folhas_site-09.png

O TOMILHO É SABOROSO QUER COZIDO COM OS ALIMENTOS (CARNES, ASSADOS, GRELHADOS, MOLHOS), QUER CRU E POLVILHADO NOS PRATOS

Fonte: Léxicos das Ervas, Hans W. Kothe, Dinalivro, Outubro 2009.